Blog SB Pharma

Publicado em 21 de janeiro de 2020Sem comentários | Blog

REPELENTES: Saiba Como Usar Corretamente

Na hora de usar um repelente é importante ter informações de como, onde e quando aplicá-lo, afim de se obter a máxima proteção que o produto pode lhe oferecer e também evitar intoxicações devido ao uso incorreto do mesmo.

Os repelentes devem ser aplicados sobre a pele exposta e podem ser borrifados sobre as roupas, respeitando as reaplicações nos intervalos determinados pelo fabricante. Para o uso facial, coloque o repelente nas palmas das mãos, esfregando uma contra a outra e, em seguida, aplique-o na face. Deve-se enviar o contato com os olhos e a boca.

Em crianças menores de 6 meses de idade não deve ser aplicado repelente diretamente na pele. Neste caso, deve-se usar repelentes ambientais, mosquiteiros e roupas leves, porém que cubram a maior parte do corpo possível. Nas crianças maiores, não se deve aplicar o repelente nas mãos, devido ao risco de levarem as mãos à boca ou esfregarem os olhos.

O repelente deve sempre ser usado enquanto o indivíduo estiver acordado, pois não é recomendado dormir com o produto sobre a pele devido ao risco de aumentar a toxicidade. Na hora de dormir, a proteção mais recomendada é o uso de mosquiteiros, repelentes ambientais como os elétricos, janelas teladas, ventiladores e ar condicionado.

Quando for utilizar repelentes em forma de aerossóis ou sprays, evitar inalá-los e pulverizá-los em ambientes fechados ou próximo a alimentos. Após aplicar um repelente, sempre higienizar as mãos para evitar contado inadvertido com os olhos, boca e genitais.

Não se deve aplicar repelentes sobre cortes, feridas e pele irritada. Olhos e lábios não devem receber o produto, pois áreas de mucosa absorvem maior quantidade de substancias e, assim, podem causar intoxicação. O repelente deve ser removido da pele com agua e sabão tão logo não seja mais necessário.

O aparecimento de alergia causada pelo uso de repelentes é raro, mas pode acontecer. Se surgirem sintomas como prurido (coceira) e urticária (placas vermelhas pelo corpo), suspenda o uso e fale com o médico.

Elaborado pela colaboradora e farmacêutica Graziéle Gualdevi CRF/SP: 87393

Fonte: Hospital Sírio Libanês

https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/imprensa/noticias/Paginas/Saiba-como-usar-corretamente-o-repelente-no-combate-%C3%A0-febre-amarela.aspx

Fonte: Exame Abril

https://exame.abril.com.br/negocios/mgapress/duvidas-na-hora-de-usar-o-repelente-veja-como-garantir-protecao-contra-febre-amarela/

Compartilhe

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *